• OUÇA AO VIVO
  • NO AR: Reinaldo Rios - Roberto Carlos em detalhes
  • A B c D E F G H

História

Nossa História

Conheça um pouco mais sobre a rádio
TRANSMISSOR 1

Equipe

Primeira equipe e a atual

A primeira equipe de radialistas a entrar na pequena instalação da emissora, no centro da cidade, foi formada por Ijauí Rios, William Veras, Paulo Henrique Veras, “Duquinha”, Amorim Neto e Joel de Sena.

Os técnicos que colocaram a emissora no ar e deram assistência durante vários anos: Geraldo Fontes (em memória) e Duvenir Castilho (em memória).

Hoje a programação da Rádio é feita por Zito Veras, Reinaldo Rios, Janete Lima, Ana Paula, e Jota Maia. A programação de jornalismo é feita por Gilvan Macário, Marcone Nunes, Leandro Daniel, Sérgio Sátiro. Em 2018 foi criado o Repórter 98 com notícias de hora em hora durante as manhãs e tardes em inserções curtas.

O setor administrativo é composto por Zito Veras, Edilene Veras, José Veras Filho, Luciane Barros,  e Marcelo Emanuel, com a colaboração de Paulo Henrique e Rafael Carvalho.

No setor de serviços gerais, Marleide Timóteo, e na segurança dos transmissores,  Edson Ribeiro.

02 (1)

Diversificação

Para todos os estilos
foto4

Até meados da década de 90, período em que a emissora ganhou novo endereço (rua Belo Horizonte), o entretenimento era a essência da 98 FM. A programação da emissora era norteada pelas tendências das rádios dos grandes centros urbanos do país. Impulsionada pela necessidade de cumprir melhor o papel de veículo de comunicação social da região, a rádio passou a diversificar a programação.

O regionalismo ganhou mais espaço. Músicas e programas passaram a ter mais a cara da nossa gente. Foi após essa readequação que surgiu o FM Sertão, apresentado por Zito Veras no início das manhãs. Mas não foi esse o primeiro programa apresentado pelo patrão. A prestação de serviço às comunidades entrou no ar com o programa Ação Total aos sábados. O programa era apresentado também por Joel de Sena.

Ainda a partir de meados da década de 90 o público passou a ouvir também esporte no rádio, com transmissões de jogos e programa semanal. Foi aberto espaço na grade para a pregação do evangelho de Jesus Cristo. Firmou-se parcerias com igrejas Evangélicas e a igreja Católica, que permanecem no ar.

Um dos principais programas hoje é o 98 Notícias. O jornal se consolidou com o conteúdo jornalístico da emissora, e se tornou o principal meio de informação de assuntos locais.

Evolução estrutural

Alta potência

A potência inicial de transmissão da 98 FM foi de apenas 250 watts. Com licenças do Ministério das Comunicações e da Anatel no decorrer dos anos para aumento do alcance, a rádio tem hoje potência máxima outorgada de 3000 wats, ou 3KW. Mais de 35 municípios recebem o sinal. E para a melhor qualidade de recepção das ondas, em 2004 a antena e os transmissores foram transferidos da serra da Mangabeira para a serra do Barro Amarelo.

A atual sede, na rua dos Crisântemos, bairro Bosque das Mangueiras, foi construída em 2001. A rádio ganhou estúdios modernos e ampla área para os serviços de apoio, com a assinatura do engenheiro Paulo Henrique e do arquiteto Erasmo Farias.

Em 1989, quando a 98 FM foi criada, as músicas eram tocadas por meio de disco vinil e fitas cassetes. Aliás, toda produção de comerciais e vinhetas foi feita nas fitas até meados da década de 90, quando surgiu o CD. Já o início dos anos 2000 marcou o uso do MP3, daí tudo passou a se concentrar nos computadores.

foto6

Internet

Rede mundial de computadores

Em 2007 a 98 entrou na rede mundial de computadores, a internet. Hoje o site é usado principalmente por pessoas que deixaram a região para morar em outros lugares. Gente que vê na emissora um meio de amenizar a saudade da terra natal. São várias mensagens enviadas diariamente de outros estados, e até países, para familiares e amigos.

Demonstrações simples, reveladas pela internet, do significado da rádio para o público. A 98 FM é mais que uma empresa. É memória. É serviço.